27 de mai de 2014

Vida e Viagens


Olho ao meu redor e descubro que as coisas que quero levar não podem ser levadas. Excedem aos tamanhos permitidos. Já imaginou chegar ao aeroporto carregando o colchão para ser despachado?

As perguntas são muitas...E se eu tiver vontade de ouvir aquela música? E o filme que costumo ver de vez em quando, como se fosse a primeira vez?
Desisto. Jogo o que posso no espaço delimitado para minha partida e vou. Vez em quando me recordo de alguma coisa esquecida, ou então, inevitavelmente concluo que mais da metade do que levei não me serviu pra nada. É nessa hora que descubro que partir é experiência inevitável de sofrer ausências. E nisso mora o encanto da viagem. Viajar é descobrir o mundo que não temos. É o tempo de sofrer a ausência que nos ajuda a mensurar o valor do mundo que nos pertence. E então descobrimos o motivo que levou o poeta cantar: “Bom é partir. Bom mesmo é poder voltar!” Ele tinha razão. A partida nos abre os olhos para o que deixamos. A distância nos permite mensurar os espaços deixados. Por isso, partidas e chegadas são instrumentos que nos indicam quem somos, o que amamos e o que é essencial para que a gente continue sendo. Ao ver o mundo que não é meu, eu me reencontro com desejo de amar ainda mais o meu território. É consequência natural que faz o coração querer voltar ao ponto inicial, ao lugar onde tudo começou.
É como se a voz identificasse a raiz do grito, o elemento primeiro.

Vida e viagens seguem as mesmas regras. Os excessos nos pesam e nos retiram a vontade de viver. Por isso é tão necessário partir. Sair na direção das realidades que nos ausentam. Lugares e pessoas que não pertencem ao contexto de nossas lamúrias... Hospitais, asilos, internatos...
Ver o sofrimento de perto, tocar na ferida que não dói na nossa carne, mas que de alguma maneira pode nos humanizar.
Andar na direção do outro é também fazer uma viagem. Mas não leve muita coisa. Não tenha medo das ausências que sentirá. Ao adentrar o território alheio, quem sabe assim os seus olhos se abram para enxergar de um jeito novo o território que é seu. Não leve os seus pesos. Eles não lhe permitirão encontrar o outro.
Viaje leve, leve, bem leve. Mas se leve.

(Pe. Fabio de Melo)

Que possamos diminuir o peso desnecessário para enxergarmos outras necessidades além das  nossas.

Um abraço carinhoso em toda gente atitude desta amiga!


25 comentários:

  1. Obrigada por esta excelente partilha, Lu, com a qual muito me identifico...

    Estamos sempre a partir...suponho que sim, para poder voltar. E ver no lugar ao qual pertencemos, o que antes não havíamos notado.

    Continuação de boa semana.
    Meu beijo!

    ResponderExcluir
  2. Querida amiga
    Vou viajar. Estarei ausente por dois meses, no mínimo.
    Sempre que tiver oportunidade irei ao meu blog e farei visitas tanto quanto for possível.
    Tenho no «DEUSA» um post de despedida.
    Tenho que usar este esquema de “copy & paste” porque não tenho tempo para me despedir de cada pessoa individualmente.
    Deixo um beijo amigo e um “até sempre”.
    Miguel

    ResponderExcluir
  3. Boa viagem Miguel! Estou indo lá.
    Um beijo e até breve.

    ResponderExcluir
  4. É um grande conselho e até mesmo uma lição de vida... Muito bom Lu. Já tinha ouvido falar em citações do Pe. Fabio, mas esta realmente é uma daquelas que nos faz pensar e levar o conselho conosco. Ou pelo menos tentar... Rsrs.

    Abraço Lu.

    ResponderExcluir
  5. Quase sempre assisto ao programa do Pe Fábio as quartas-feiras na Canção Nova e alguma homilias feitas por ele. Sempre tem uma palavra, um conselho e uma orientação pertinente, útil e valiosa.
    Texto adorável este que escolhestes, Lu. Parabéns pela sensibilidade de sua escolha.
    Um beijo, Linda Lu.

    ResponderExcluir
  6. Quero informar as minhas gentis comentadoras e simpáticos comentadores que, contra o que me é habitual, irei responder a todos os comentários aqui neste espaço, a partir do post anterior.

    Peço por isso o favor, a quem me comentou lá, o favor de ir ver a minha resposta/agradecimento. A primeira a quem responderei será a Maria, do blog A PRÓXIMA CURVA.

    Obs. Veja o meu último post, do dia 05/06.
    Um beijo do Miguel

    ResponderExcluir
  7. LU,

    e para enxergarmos será sempre necessário nos despojarmos dos nossos egoísmos indesejáveis.

    E ter a ATITUDE de desprendimento e halocentrismo, vendo no seu próximo, a si mesmo!

    ATITUDE de reconhecer que aquele que dá um só moeda , sem ter mais nenhuma consigo, deu absolutamente tudo que tinha, em relação a outro de deu duas moedas mas, as possuía aos milhões.

    ATITUDE de repudiar a ideia do ser humano ser mais um número,partes de um corpo destacadas para consumo, apenas uma foto, sensualizada numa sociedade que confunde liberdade com libertinagem, e atribui a estética da beleza uma dimensão inapropriada, transitória e somente para consumo.

    ATITUDE de eleger o amor como forma,conteúdo e seu atributo maior de convivência entre os seus pares no qual, o primado do respeito às limitações alheias,seja uma preocupação constante.

    ATITUDE de não esquecer que a sociedade contemporânea decretou a morte da permanência e, tudo tem sido tão efêmero que quando olhamos para trás só vemos garrafa pet, plástico que não morre, boiando e poluindo as águas do planeta.

    ATITUDE de ver e aprender a gostar do essencial, posição tão difícil neste mundo de superficialidades.

    Desculpe ter sido tão prolixo, LU mas a culpada foi você ao instigar-me com postagem tão significativamente, pedagógica.

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  8. Querida amiga

    São belas
    as palavras
    que nos acariciam
    o coração...

    Obrigado por semear o belo
    em um mundo tão carente
    de sentimentos bons.

    ResponderExcluir
  9. Minha Amiga, no próximo dia 24 publicarei novo post. E ainda não viste o actual... Como vai ser? Se deixas acumular... vais ter mais trabalho, porque não dispenso a tua presença... :)
    Estou te esperando...

    Um beijo
    Miguel

    ResponderExcluir
  10. Olá, Lu
    Estava convencida que já tinha comentado este post... mas como não vejo aqui nenhum comentário meu... devo ter feito confusão-:(
    Gosto imenso de ler ( e ouvir, aliás ouvi muito recentemente) o Padre Fábio.
    Acho que ele diz grandes verdades e sempre de uma forma encantadora, que dá gosto ouvir.

    Bom fim de semana.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  11. COMUNICADO:
    TENHO ESTADO DOENTE
    04.07.2014

    Há cerca de cinco dias fui atacado por uma forte gripe, que mostrou intenções de invadir zonas do meu corpo que não lhe diziam respeito, nomeadamente a zona pulmonar.
    O médico que me tem assistido moveu-lhe guerra feroz, e da refrega saíram dois vencedores: o médico e eu.
    Hoje já tive autorização para me levantar duas ou três horas, e mal pus o pé fora da cama, corri – em sentido figurado, que as forças ainda não dão para correr – “corri” para o computador para estar um bocadinho convosco.
    Espero em breve estar são como um pêro…“Bravo de Esmolfe”– o mais doce do reino *perófico* (de pêro).
    Sei que a palavra não existe, acabei de a inventar… mas é gira, não é? 

    Miguel, o rei perófico

    (AQUI APARECE A FOTO DO REI, QUE POD VER NO BLOG)
    Beijos para as meninas e abraços para os meninos.
    Até breve, até sempre.
    P.S. O meu primo vai-me fazer o favor de levar este comunicado aos blogues amigos, para que não me esqueçam...
    Miguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo

      Desculpe a demora para publicar o comentário e também pela minha ausência pois estou sem internet em casa por alguns dias mas passarei em teu espaço para lhe enviar boas energias. Desde já desejo-te melhoras e que fique bom logo.
      Cuide- se!
      Um abraço apertado.

      Excluir
  12. PUBLICADO HOJE NO MEU BLOG
    Quero, aqui, agradecer a toda(o)s que vieram desejar-me as melhoras.
    Não vou nomear ninguém – seria, no mínimo, pouco elegante da minha parte. Mas irei levar este agradecimento aos respectivos blogs.
    Como já estou bastante melhor, embora ainda não tenha recebido “alta médica”, continuarei a responder, nesta minha/vossa casa, a cada comentário recebido (por ordem de chegada), como fazia anteriormente à minha doença.
    Não será tão rápido como eu desejaria, mas fá-lo-ei, dentro das minhas possibilidades, o mais depressa possível.
    A toda(o)s o meu “muito obrigado!”
    Beijo
    Miguel

    ResponderExcluir
  13. Lu, só podemos lhe agradecer pela mensagem edificante, nos traz um grande raciocínio sôbre o apego, nos lembra que os reais valores, estão dentro de nós!!

    Ghost e Bindi

    ResponderExcluir
  14. No “DEUSA” respondi assim ao teu comentário:

    Miguel13 de Julho de 2014 às 16:46

    Olá, Lu
    Não peça desculpa, minha amiga. Cada um tem o seu tempo, para além de muitos outros afazeres que requerem atenção.
    A sua presença é, por si só, um prazer para mim, portanto… venha, sim, sempre que puder, mas sem problemas de consciência, ok?
    Obrigada por seus votos de melhoras.
    Partilharei mais fotos logo que me seja possível, o que espero seja em breve.

    Um carinhoso beijo

    ResponderExcluir
  15. A ATITUDE deve ou devia constar no BI... e faz toda a diferença!
    Beijocas
    Graça

    ResponderExcluir
  16. Finalmente vou de férias!
    Confesso que estou necessitado de descansar.
    Desde que vim para Itália, no dia 29 de Maio, tenho dado belos passeios, visitado locais que não conhecia e revisitado outros já conhecidos.
    Mas, a par disso, o trabalho tem sido a um ritmo bastante acelerado, com o intuito de, o mais rapidamente possível, poder regressar a Portugal. Este objectivo ainda está um pouco longe de ser alcançado…
    Agora chegou o momento de gozar férias. E aí vou eu, no próximo dia 14.
    O regresso… é uma incógnita. Quando voltar vos farei saber 
    Para que não me esqueçam… deixo-vos mais algumas fotos do passeio que me foi oferecido como prensa de aniversário…
    Para veres as fotos e o resto do texto… terás que ir ao “DEUSA” 
    Um beijo
    Miguel

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ainda estou ausente, Miguel. Ainda nao foi possivel voltar mas passo la para desejar-te belas ferias. Grata pela visita.
      Beijos!

      Excluir
  17. Olá, cara e estimada amiga.
    Depois de longa ausência, volto a lhe visitar e o faço me expressando em poucas palavras:
    “Que a Luz do Sagrado ilumine o vosso caminho...”
    Aceite meu abraço e até mais!

    ResponderExcluir
  18. @vendedor de ilusão

    Meu caro amigo J.R.
    Que felicidade receber tuas palavras aqui! Voce sempre foi de poucas palavras mas de forte presença. Acredite!

    Eu fico muito feliz que tenha voltado e acima de tudo que esteja bem. Estava muito preocupada mesmo! Ainda mais quando alguns dos nossos amigos em comum, me pediam noticias suas e eu sem nada a dizer. Pois nao obtive resposta nos emails mas muito obrigada por ter entrado em contato!

    Muita luz a você também meu amigo e tudo de bom!
    Um forte abraço e até mais!

    PS: Estou ausente em função de uma reforma em casa mas em breve estou de volta.

    ResponderExcluir
  19. Olá LU,

    portanto, quinquilharias e bugigangas...fora!!!

    Um abração carioca.

    ResponderExcluir
  20. Hoje eu vim para lhe desejar uma semana magnífica, cheia de alegria e felicidade...
    Beijos.

    ResponderExcluir
  21. Olá cara amiga!
    Estranho sua ausência, espero que seja temporária, não faça como eu. Estou ansioso para ler suas novas postagens.
    De qualquer forma, lhe deixo meu abraço com os votos de um fim de semana iluminado.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  22. @vendedor de ilusão

    Nao estranhe meu caro amigo JR. Eu estive ausente apenas porque estava com minha casa em reforma e com o pc desconectado. Mas acabei de voltar e ainda nao deu para postar neste blog. Ja estou preparando o novo post.
    Muito obrigada pela carinhosa visita e ve se nao desaparece de novo hein! Nao quer nos matar de preocupação e saudades, quer?rs

    Otimo final de semana pra voce tambem, querido.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo. Aqui você vai encontrar um pouco de acidez, mas tem um pouco de doçura também, como a vida. Fique a vontade para deixar o seu comentário atitude. Logo após a leitura, o mesmo será publicado.
Muito obrigada pela visita e volte o quanto desejar.
Abraços carinhosos!

Lu Nogfer (Administradora)
Contato: lu.nogfer@hotmail.com