26 de set de 2016

Pense Positivamente...

É tão bom levantar de manhã com bons pensamentos e preparar a pauta do dia com um sorriso no rosto!
Olhar à nossa volta com uma doce simplicidade, sentindo-nos gratos pelo o que, por natureza, temos.  E darmos graças também pelo o que, por esforço, temos conquistado dias após dias. E não importa se tudo o que conseguimos tem sido sentado numa confortável cadeira de escritório acessando a tecnologia com suas modernidades ou  debaixo de sol, chuvas e ventanias... Tudo isto, são bênçãos colhidas. Sejamos gratos.

Não sejamos negativos, pois os maus pensamentos não atraem coisas boas para dentro de nossas vidas.
 Acertou em cheio,  o grande Dalai Lama, quando disse que "determinação, coragem e autoconfiança são fatores decisivos para o sucesso. Não importa quais sejam os obstáculos e as dificuldades."  Então, para quê  dificultarmos as coisas, olhando  para os obstáculos com lente de aumento? Deste modo, parecerão muito maiores do que são.

Um ótimo exercício para praticarmos já pela manhã, é imitarmos o assobiar dos pássaros e aprendermos com eles que não há dias ruins para entoar um canto de alegria, convidando-a a permanecer em nosso cotidiano.

Bom mesmo, é sermos capacitados para desejar que tenhamos o suficiente para dias infindáveis de paz e amor. Ah, como é bom ter a paz e o amor administrando os nossos dias!  As demais coisas, estas certamente virão por consequência do que somos, aprendemos e praticamos.
Todas as sementes de hoje, serão os frutos de amanhã.

-Lu Nogfer


22 de set de 2016

Primavera

Olha só que coisa mais bela
É ela, pra vida se abrindo
Sempre chega perfumada
Pra receber as boas vindas.

Chega com simplicidade
Colorindo os jardins
Trazendo mais vitalidade
Aos dias primaveris.

E daí, se há nuvens chuvosas
Ou se o sol intenso, brilha(?)
Ela chega alegre e prosa
E a todos, contamina.

Até os rudes semblantes
Se tornam bem mais sutis
E quem já é sorridente
Ela deixa mais feliz.

As flores que desabrocham
Alegram os colibris
E as pessoas agradecem
Sempre pedindo bis

(Lu Nogfer)


"Deixe a vida fazer com você o que a primavera faz com as flores." (Pablo Neruda)

Ou melhor: deixe-se florir...

Uma linda primavera a todos!

21 de ago de 2016


O sol aparece...
O café fresco recebe o dia aflorando os pensamentos.

Os pássaros cantam juntos como se ensaiassem um coral lírico para manhã seguinte.

O carteiro esquece de se desculpar quando toca a campainha no destinatário trocado.

O menino sobe no pé de manga para pegar a pipa, a jovem mãe despreocupada grita: joga uma fruta madura!

O telefone toca várias vezes e desliga antes mesmo de ser atendido.

Assuntos triviais preenchem o tempo horas a fio, pela vizinhança.

O sol se esconde...
Os verbos indisciplinados percorrem as linhas tortas completando lacunas em branco.

Tudo vai seguindo num percurso simples e genuíno sem previsão de chegada.

Não há como pressupor o próximo parágrafo.

(Lu Nogfer)

[...]
E que seja permanente essa vontade de ir além de tudo que me espera...
(Caio Fernando Abreu)

Ótimo domingo e uma semana incrível e produtiva a todos!

21 de jun de 2016

Unhas, Dentes e Canivetes.

Alguém já disse que "o que põe o mundo em movimento é a interação das diferenças, suas atrações e repulsões...
Sábias palavras. Entretanto, para manter esta pluralidade, precisamos constantemente de paz. Mas o mundo está tão escasso de paz! Em contrapartida, em cada canto que se vá, há uma farta desavença. Sem contar as vidas que são tiradas com as próprias mãos. E às vezes, por motivos fúteis.

Um dia desses, presenciei... Não. Na verdade não presenciei. Estava distante, porém soube detalhadamente o ocorrido: um confronto entre torcidas organizadas que de tão terrível,  acabou em sangramento.

Desta feita, fico eu analisando a tamanha rivalidade entre as torcidas a qual acredito que seja muito maior que a rivalidade entre os times. Vivem numa verdadeira guerra. E pelo o que se percebe, alguns torcedores, não saem de casa com intenção apenas, de prestigiarem o time do coração.  Já saem com o único intuito de ferir alguém na pura covardia...
Se bem, que assistimos- não com tanta frequência- a violência, também, entre os jogadores em campo. O que é ridículo, mas dependendo da situação, até entendemos. Mas entre as torcidas é de fato um absurdo tanta violência!

A verdade única é que enquanto as torcidas se matam em desespero e acima de tudo, no desrespeito entre as mesmas, esquecendo até de se divertirem,  os jogadores (generalizando mesmo) trocam a camisa fácil, fácil... Não, não deve ser tão fácil... É que a bufunfa que os oferecem nesta troca é bem alta, diga-se de passagem. E a vida para eles está tão difícil! Oh,  e como está!

Acordem, torcidas! Se desarmem! Vamos aproveitar o momento de descontração para brincar mais, sorrir mais e para amar mais ao próximo. Como muito bem refletiu o escritor russo Leon Tolstoi, "só há uma coisa neste mundo, à qual vale a pena dedicar toda a sua vida. É a criação de mais amor entre os povos e a destruição das barreiras que existem entre elas."

(Lu Nogfer)