20 de abr de 2014

Liberdade...



[...]
"Do passado,
Quero as lembranças;
Do futuro,
Quero a  esperança;
Do hoje,
Só quero a certeza de ser livre...
Nada mais!"
(Lu Nogfer)

E "que nada nos limite, que nada nos defina, que nada nos sujeite...
Que a liberdade seja nossa própria substância, já que viver é ser livre"
(Simone de Beauvoir)


Feliz Páscoa a todos já no finalzinho, mas que sempre seja tempo de renovação!


8 comentários:

  1. Da vida minha querida Lu eu quero tudo :-)))))

    beijo grande

    ResponderExcluir
  2. "Do hoje,
    Só quero a certeza de ser livre...
    Nada mais!" pois na certeza de ser livre hoje, se resume todos os desejos, todos os quereres da vida. E que nada nos limite mesmo, né?
    Perfeita síntese, Lu, como sempre.
    Que tenha sido linda a tua páscoa.
    Beijo, migalinda.

    ResponderExcluir
  3. @Ártemis

    Completaste perfeitamente o meu pensamento, querida Ártemis! Tanto vc quanto a minha amiga pessoal, Marcia.
    Quando somos livres podemos querer tudo o que nos apetece, não é verdade?

    Muito obrigada pela presença e comentario e bem- vinda por aqui tambem, linda!
    Ja ja vou segui-la com esta perfil tambem e buscar teu link!
    Beijos e até mais!

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, Lu:
    Já tive muito da vida e quero mais. e o que prezo, acima de tudo, é a minha liberdade.
    Belo post.
    Beijos,
    Renata
    PS: Mudei de perfil para segui-la.

    ResponderExcluir
  5. @RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

    É verdade, amiga! Sem liberdade nada somos, nada podemos... Daí o meu resumo de um longo texto que so me apetece os fragmentos postados.
    Ando tão ofegante pela vida. Meus membros andam tão espaçosos que me resumem o restante!rs

    ps:Obrigada querida. Ja ja passo em teu outro perfil.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. OI LU,

    renovação das ações que se realizarão,tenho a certeza, como a síntese de aprendizados anteriores.

    E em você senti aqui a grandeza do ser humano que, não reivindica bens materiais,bugigangas nem nenhuma outra quinquilharia estocada em bolsas pesadas de coisa nenhuma, trazidas do shoppings ilusórios do consumismo que não compensam nenhuma infelicidade!

    Ao renovar-se, você foca no futuro mais pleno de ações continuas exigindo o bem maior:A liberdade!

    Liberdade que dança entre nós LU,mexe e requebra querendo sempre despertar nossas atenções.

    Nós que, por tantas vezes , irremediavelmente prisioneiros das mesmices burocráticas do dia-a-dia insosso, com aquele gosto de nada, nem a vemos partir agonizante e frustrada.

    Mas, ela volta!

    A liberdade sempre volta para insistir ficar em corações merecedores como o seu.

    Um abração carioca.


    ResponderExcluir
  7. @PAULO TAMBURRO.

    A gente por vezes se deixa aprisionar nem sempre pelo dia a dia mas por quem insiste a nos aprisionar seja de que forma for.
    Mas esse texto é super antigo embora gosto dos fragmentos.
    Nada me aprisiona mais! Ha tempos virei borboleta. Ja te disse isso em algum comentario, né?rs

    Abraços e obrigada pelas palavras reflexivas!

    ResponderExcluir
  8. Nós escolhemos o nosso caminho, trilhamos e nos reencontramos. A beleza da vida...

    Feliz Páscoa... rsrs

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo. Aqui você vai encontrar um pouco de acidez, mas tem um pouco de doçura também, como a vida. Fique a vontade para deixar o seu comentário atitude. Logo após a leitura, o mesmo será publicado.
Muito obrigada pela visita e volte o quanto desejar.
Abraços carinhosos!

Lu Nogfer (Administradora)
Contato: lu.nogfer@hotmail.com