8 de nov de 2011

“Buscas Necessárias”

Esse texto foi baseado na historia da infância e juventude de uma pessoa batalhadora e cheia de atitude que veio ao mundo para lutar e vencer!


Boa leitura a todos!



"Somos livres...
Às vezes o que nos falta, é coragem para irmos em busca daquilo que já é nosso... Coragem que talvez nos tiraram quando ainda éramos crianças.Sei lá!(Será???)
Ou quem sabe em outro tempo qualquer que não se recorda...?

Tudo é muito relativo e as buscas se fazem necessárias. Nada acontece se não formos de encontro com o que nos espera. Porém, deixamos se aproximar um certo medo que insiste em tomar conta de nós. Uma culpa que foi implantada, mas que supostamente não existe...

Medo? Culpa? De quê afinal?
Daquele bicho papão que nunca existiu? Da falsa bruxa que transformava tudo em sabão?
Ou talvez muito mais... Medo daquela frase indesejável e inconseqüente que fizera desmoronar toda sua ação, deixando uma tamanha insegurança que muitas vezes nos fazem adiar as tais buscas... Buscas de liberdade e de confiança em nós próprios. Desse contato conosco que tão somente através dele, podemos encontrar algo que nos faça sentirmos plenos e de alma leve.

Afinal somos livres ou não?
E quando refletimos sobre tudo, caímos em nós... Desvenda-se o mistério e a barreira se quebra...
Perdemos a tal culpa e ganhamos confiança para irmos às buscas. E não há boca maldita que possa profetizar o contrário! Pois um momento inadiável em que encontra-se o fio da meada com o qual se tece a vida...
Talvez este, seja o momento exato de agarrarmos aquela chance de que em outros tempos não nos sentíamos merecedores. Talvez seja a única chance de não deixarmos nada escapar por entre os dedos!

E o tempo não para...
Segue a vida retornando-nos o que somos, dando-nos o que buscamos."

Por Lu Nogfer

4 comentários:

  1. Oi amiga!
    Que legal que voce postou o texto aqui.Achei incrivel a analise reflexiva!
    Somos livres sim para fazer nossas buscas necessarias mas primeiro é preciso ter atitude para nos desprender daquilo que nos atrapalha as vezes por uma vida inteira!Depois que minha mae sparou do meu pai, ele ganhou a minha gurda e tive que conviver com minha madrasta por muito tempo.Uma pessoa de linha dura e cruel ate com os filhos de sangue.Nunca teve uma palavra de apoio que me empurrase pra frente.Mt pelo contrario!Mas como vc disse "Quando refletimos sobre tudo caímos em nós...
    Desvenda-se o mistério e a barreira se quebra
    Perdemos a tal culpa e ganhamos confiança para irmos às buscas
    E não há boca maldita que possa profetizar o contrário!
    Pois há um momento inadiável em que encontra-se o fio da meada com o qual se tece a vida..."

    Nossa,bateu certinho com tudo o que aconteceu comigo num determinado momento.
    Voce é incrivel,Lu!Muitos e muitos aplausos a ti pelo texto super atitude!

    Bela homenagem vc fez a essa pessoa que sei o quanto é especial pra vc!

    Beijos,amiga!

    ResponderExcluir
  2. Verdade, nunca podemos desistir de buscar...mas se é incentivado quando crinaça ir a luta...
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  3. Lu Lindo
    o texto adorei.Peço desculpa por andar fugido meus blogues sumiram da Google tive que criar outros,
    beijos
    Santa cruz

    ResponderExcluir
  4. Que pena Santa Cruz!Mas que bom que criou outros blogs!Espero que volte logo a postar!
    Obrigada pela visita!Bem vindo de volta!



    E aos demais amigos,muito obrigada pela presença!


    Beijos em todos!!

    ResponderExcluir

Seja bem-vindo. Aqui você vai encontrar um pouco de acidez, mas tem um pouco de doçura também, como a vida. Fique a vontade para deixar o seu comentário atitude. Logo após a leitura, o mesmo será publicado.
Muito obrigada pela visita e volte o quanto desejar.
Abraços carinhosos!

Lu Nogfer (Administradora)
Contato: lu.nogfer@hotmail.com